21.9.09

Amores de Cotovia¨

“Amores de verão ficam enterrados na areia. amores de Verão, acabam quando o verão acabar… Desconfiem destes amores de Verão porque no dia em que tivessem os votos, rapidamente os deixariam enterrados na areia ”

** Jerónimo de Sousa

Amor de Verão varia de título de filme da Disney a título de música vária, poemas, romances, best-sellers – dá também nome a uma colecção de livros eróticos – pelos vistos agora até no âmbito político o podemos aplicar.

Sempre conheci a expressão ligada a amores passageiros, criados, nascidos do calor e euforia de um tempo a que resolvemos apelidar de Silly Season. Nos meses de calor (ou que o eram antes do vírus do aquecimento global), o nosso pequeno e médio país (inevitável) pára!. Não percebi ainda se porque o período escolar termina, se porque somos extremamente sensíveis ao calor tal qual os nórdicos e não podemos levar com uns raios de sol enquanto traçamos as tarefas rotineiras que incluem Trabalho – inserido no âmbito do Emprego, como é evidente – ou se nos regemos apenas pelo calendário da magnífica e adorada tribo Futebolium (v. Rentrée...)

Voltando aos amores de verão…Amores de verão são passageiros, rápidos, loucos, vazios, inconscientes, fugazes, intensos, arrebatados, apaixonados, afinal verão rima com paixao! O calor intenso a percorrer os corpos apaziguados por bebidas geladas e decoradas, corpos bronzeados que se passeiam semi-nus,amorpraia1 emoções à flor da pele, noites que se transforam em dias, e dias que começam quando o sol fita a lua, estrelas cadentes, lua cheia, noites de euforia, bebidas espirituosas, novas aventuras, novas amizades, reencontros, o sabor da saudade, festa, noite, música, segredos ao ouvido, praia e mar, por do sol, dunas, sal, atracção…

Curta duração e grande intensidade, assim se define um amor de verão, há quem diga que pode durar mais que o verão, mas aí, deixa de ser amor de verão e passa a Amor – ou relação de conveniência, quiçá!

Verdade, dizem os peritos, a praia e o calor são verdadeiros afrodisíacos…e termina oficialmente o verão - o equinócio lembra-nos que a estação acabou - será que terminam com ele? Será que duram? Diz o povo que “amor de praia não sobe a serra” e que “amor de verão não dura carnavais”….

¨Amor de Cotovia: “Acaba-se o Verão, Vai-te com Deus Maria”

[E eu vou-me que a Cotovia levanta voo às 21h18]

3 comentários:

S.A. disse...

Não tenhas pressa, porque isso com a greve vai ser adiado, de certeza!! :x

Ana, BM

Graça disse...

aDOREI O TEXTO
Verão é a temporada do calor, sol, praia, pele bronzeada e das viagens.
Quem não se rende aos encantos de uma paixão?
ESTE TRECHO ACHEI ÓTIMO "bebidas geladas e decoradas, corpos bronzeados que se passeiam semi-nus, emoções à flor da pele, noites que se transforam em dias, e dias que começam quando o sol fita a lua, estrelas cadentes, lua cheia, noites de euforia, bebidas espirituosas, novas aventuras, novas amizades, reencontros, o sabor da saudade, festa, noite, música, segredos ao ouvido, praia e mar, por do sol, dunas, sal, atração…"

S.A. disse...

Obrigada Graça!

Mas também quem não se rende ao Inverno, chuva e vento lá fora e, cá dentro as almas aquecidas pela brincadeira do fogo na lareira, as mantas, as saudades do verão...

.:S